o-olhar-de-milhoes-ian-hughes
Comprar Bilhetes
Teatro co produção mm


Raquel Castro

Datas e Horários
quarta e quinta → 21h30
Preço
6€ a 12€
Menores de 30 anos 5€
Menores de 18 anos 3€
Duração
1h40
Classificação
M/16
Local
Sala Principal com bancada
Facebook Twitter
Comprar Bilhetes

Sinopse

É o maior cruzeiro do mundo e está prestes a levantar âncora em direção ao infinito  azul. Desenganem-se aqueles que pensam que se trata apenas de mais um navio de cruzeiro. As características d’Olhar de Milhões conferem-lhe o estatuto de um mega resort flutuante — o maior da Europa — e o único capaz de proporcionar a derradeira experiência, ilimitada e total. Para além das aclamadas atrações Ultimate Abyss, Fetiche Arena, Wind Tunnel, Chemical Enhanced Racing, Mummy`s Milk Shot, Full Communication Zone, há novidades para todos os perfis, a não perder.  Porque só se vive uma vez.

A Rede 5 Sentidos, que reúne onze teatros de todo o país, convidou a encenadora e atriz Raquel Castro a criar uma nova encenação que circulasse pelos teatros da rede. O resultado desta coprodução à escala nacional é a peça O Olhar de Milhões.

 

Digressão nacional 

23 outubro (antestreia) – O Espaço do Tempo, Montemor-o-Novo
28 outubro (estreia) – Teatro Viriato, Viseu
4 novembro – Centro Cultural Vila Flor, Guimarães
11 novembro – Centro de Artes de Ovar
18 novembro – Teatro Municipal da Guarda
22 novembro – Teatro Académico Gil Vicente, Coimbra
25 novembro – Teatro Virgínia, Torres Novas
1 e 2 dezembro – Teatro Carlos Alberto, Porto
6 e 7 dezembro – Maria Matos Teatro Municipal, Lisboa
16 dezembro – Teatro Micaelense, São Miguel, Açores

 

Sinopse

crédito: Mariana Silva
crédito: Mariana Silva

Sinopse

Ficha Artística

criação e direção artística:
Raquel Castro

dramaturgia:
Joana Bértholo

interpretação:
Anaisa Lopes, David Marques, João Villas Boas, Marco da Silva Ferreira e Teresa Coutinho

assistência à criação:
Filipa Matta

apoio teórico:
Ana Bigotte Vieira

desenho de luz:
Rui Monteiro

cenografia:
José Capela

sonoplastia e música original:
Miguel Mendes

produção:
Barba Azul

produção executiva:
Vítor Alves Brotas

coprodução:
Rede 5 Sentidos – Teatro Viriato, Teatro da Guarda, Maria Matos Teatro Municipal, Centro Cultural Vila Flor, Teatro Virgínia, Centro de Artes de Ovar, Teatro Académico Gil Vicente, Teatro Micaelense, Teatro Nacional de São João, Teatro Municipal do Porto, O Espaço do Tempo

foto:
Ian Hughes

coprodução da rede 5 sentidos